Monday, August 28, 2006

Fumo

Longe de ti são ermos os caminhos.
Longe de ti não há luar nem rosas,
Longe de ti há noites silenciosas,
Há dias sem calor, beirais sem ninhos!

Meus olhos são dois velhos pobrezinhos
Perdidos pelas noites invernosas...
Abertos, sonham mãos cariciosas,
Tuas mãos doces, plenas de carinhos!

Os dias são outonos: choram... choram...
Há crisântemos roxos que descoram...
Há murmúrios dolentes de segredos...

Invoco o nosso sonho! Estendo os braços!
E ele é, ó meu Amor, pelos espaços,
Fumo leve que foge entre os meus dedos!...


Florbela Espanca

Dedicado ti minha linda, de quem eu gosto tanto...

Meu anjo

2 comments:

Anonymous said...

"Se tu viesses ver-me hoje à tardinha,
A essa hora dos mágicos cansaços,
Quando a noite de mando se avizinha,
E me prendesses toda nos teus braços...
Quando me lembra: esse sabor que tinha
A tua boca... o eco dos teus passos..
O teu riso de fonte... os teus abraços...
Os teus beijos... a tua mão na minha..
Se tu viesses quando, linda e louca,
Traça as linhas dulcíssimas dum beijo
E é de seda vermelha e canta e ri
E é como um cravo ao sol a minha boca...
Quando os olhos se me cerram de desejo...
E os meus braços se estendem para ti..."

F.E.

obrigada linda...
nao veju a hora de te ter junto a mim.. *.*
um beijo xeiu de saudades...

*Teu anjo

Countess Demonica said...

Ui Ui
Isto ja anda assim? ehehhe
Estou a brincar...
Sabem que fico muito feliz...
:)

Beijos enormes para as duas..Para os meus dois anjos negros ;)

S..

New Moon Movie Countdown - Twilight Saga

 

Free Blog Counter